fbpx

5 EFEITOS DA LEITURA NO SEU CÉREBRO

1 AUMENTO NO NÚMERO DE CONEXÕES CEREBRAIS

Não é incomum pessoas afirmarem que um livro mudou suas vidas, mas você sabia que ler um romance pode realmente alterar o cérebro? Neurocientistas descobriram que ler uma narrativa pode de fato causar alterações no cérebro. De acordo com o estudo, quando lemos, as conexões no córtex temporal esquerdo – área associada com a recepção da linguagem  – aumentam. Essa atividade permanece por dias após a leitura.

2 COLOCA O LEITOR NA PELE DO PERSONAGEM

Existem diversos exemplos de como o envolvimento dos leitores com os personagens são realmente muito intensos. O amor não realizado de Werther, o personagem principal do primeiro romance de Goethe, mexeu tanto com os jovens alemães do século XVIII que houve uma onda de suicídios após a leitura. O livro chegou a ser proibido pelo Vaticano!

Estudos da Universidade Emory demonstraram que, além do córtex esquerdo, a leitura também ativa a parte central do cérebro, responsável pela atividade motora. Então se você está envolvido com a leitura e o personagem do livro está correndo de um grande perigo, seu cérebro se agita e você chega a sentir um pouco do que se passa na pele do personagem.   

3 SEU CÉREBRO PODE SER TREINADO

Nem todos são leitores por natureza. Pessoas que leem menos talvez não entendam os verdadeiros prazeres da literatura, mas o cérebro pode ser treinado e todos podem se tornar melhores leitores. Num experimento realizado por seis meses na Universidade Carnegie Mellon, na Nova Zelândia, foi demonstrado que o volume de matéria branca na área cerebral vinculada à linguagem realmente cresceu após um longo período de exposição ao hábito de leitura. Ademais, o experimento demonstrou que a estrutura cerebral pode ser desenvolvida através desse treinamento, o que mostra a importância de adotar hábitos saudáveis de leitura.

4 CRIAÇÃO DE IMAGENS MENTAIS

Ler livros e outros materiais que estimulam um imaginário vívido não é apenas divertido, mas também permite que criemos mundos nas nossas mentes. Uma característica importante sobre esse fato é o de que isso acontece sem nosso controle. Pesquisadores chegaram à conclusão de que o imaginário visual acontece de forma automática.

5 DIFERENTES LEITURAS GERAM DIFERENTES EFEITOS

Todo tipo de leitura acarreta estímulos no cérebro, mas diferentes tipos de leitura proporcionam diferentes experiências, com variados benefícios. Pesquisadores da Universidade de Stanford notaram que a experiência vinculada à literatura analítica (aquela que se propõe a ser lenta e de análise dos detalhes do texto) oferece ao cérebro uma série de complexas funções cognitivas, enquanto a leitura realizada para o prazer aumenta o fluxo sanguíneo em diferentes partes do cérebro.  

Rolar para o topo