fbpx

5 COISAS QUE VOCÊ NÃO SABIA SOBRE O HALLOWEEN

Halloween, ou Dia das Bruxas como é chamado no Brasil, é uma festividade que tem sua origem na cultura Celta. A data é muito comemorada nos países de origem anglo-saxã, mas sua notoriedade cresce a cada ano também no Brasil. As novas gerações nasceram e cresceram vendo filmes americanos sobre “doçuras ou travessuras” e essa influência parece que veio pra ficar. Por isso, confere 5 curiosidade sobre o Halloween!

  1. Antigamente, dançava-se para conseguir as “doçuras”

Estudiosos da cultura Celta e do Halloween contam que, originalmente, adultos na europa utilizavam a data comemorativa para bater de porta em porta oferecendo danças, enquanto as crianças pediam por guloseimas ou dinheiro. A maioria desses primeiros participantes realmente eram pobres e precisam desse dinheiro. Mas crianças que não estavam em situação de pobreza também se juntavam à prática.

  1. Samhain

O Halloween tem sua origem numa festividade Celta chamada Samhain. É a festividade que marca a época da colheita e o início do inverno. Os Celtas dividiam seu calendário em duas metades, a metade clara e a metade escura; Samhain marca a entrada da metade escura do ano, quando é mais frio e há menos presença do sol. Acreditava-se que nessa data os fantasmas dos mortos andavam sobre a terra, por isso as pessoas deixavam “doçuras” na frente das casas, para alimentar esses espíritos.

  1. Origem das fantasias

De acordo com escritos do império romano, há registro de que nas datas relativas a Samhain (origem do Halloween), as tribos que habitavam parte da França e da Alemanha acreditavam que, nessa data, dissipava-se a cortina entre o mundo dos vivos e dos mortos. O costume era o de vestir-se com ossadas e peles de animais, no intuito de se conectar com o espírito dos mortos com ainda mais facilidade.  

  1. Estudo apontam que o Halloween pode fazer as crianças se comportarem mal 

Quando você é criança, as três partes mais importantes do Halloween são doces, fantasias e travessuras. Acontece que combinar esses três fatores é a receita perfeita para incitar mau comportamento. A formação de grupos mascarados é um fator que fomenta o que os psicólogos chamam de “dissolução da individualidade”, que é quando as pessoas são levadas a refletir menos a respeito do seu comportamento, além de estarem menos apreensivas com o fato de serem observadas e reconhecidas por outros. Em outras palavras, você junta muitas pessoas em um grupo e dá máscaras a elas todas e isso pode desencadear um desinteresse em seguir as normas sociais.

  1. Proibição da adoção de gatos pretos nas datas de Halloween

Os dados a respeito do sacrifícios de gatos pretos durante as datas de Halloween não são completamente precisos, mas o certo é que diversos locais de adoção de animais se recusam a realizar a adoção de gatos pretos durante outubro. Isso se deve às crenças supersticiosas vinculadas aos gatinhos. O medo é que os animais acabem caindo nas mãos das pessoas erradas.  

Rolar para o topo