fbpx

DICAS COMPACTOR: SAIBA COMO CONSERVAR SUAS CANETAS FAVORITAS

Manter as suas canetas funcionando por mais tempo passa pela escolha do melhor meio de armazená-las. Mas conservá-las não é muito difícil – os cuidados a serem tomados não são muitos. O maior problema que canetas não-recarregáveis podem ter é ficarem inutilizadas porque a tinta secou ou não desce.

Por outro lado, faltam alertas de cuidados básicos, que são necessários para poder dispor da sua caneta sempre que quiser ou precisar. Neste texto, vamos tratar destes cuidados pequenos, mas essenciais. E também contaremos dicas do que fazer quando a tinta não estiver descendo. Continue ligado!

Como guardar

Antes de pensar na posição, um alerta: sempre que não estiver usando a caneta, mantenha-a com a tampa, ou com a ponta recolhida. Do contrário, a tinta pode secar e isso a torna irrecuperável. Além disso, garanta que o lugar em que você for guardar não bata sol.

Agora: a posição. Pode ser tanto na horizontal, como em estojos ou gavetas, como na vertical, em latas usadas como porta-canetas. Mas, além disso, existem diferentes tipos de caneta, e é interessante saber qual é a posição indicada para guardar cada uma delas, de acordo com suas características específicas:

– Esferográficas: na horizontal ou vertical; com a ponta para baixo.

– Com a ponta porosa, de feltro ou em forma de pincel: quando ficam velhas, a quantidade de tinta pode diminuir, conforme o. Armazene-as na horizontal ou de ponta para baixo.

– De tinta líquida (nanquim, por exemplo): como a tinta que está em contato com a ponta é bem líquida, o melhor é guardá-las com a ponta para cima, para evitar que vazem quando você for usar. Mas tome cuidado com pessoas desastradas ou crianças.

– Gel: a tinta destas é menos líquida, o que faz com que ela desça à ponta mais lentamente. Por isso, é melhor deixá-las de ponta para baixo. Até porque pode acontecer de entrar uma bolha de ar na caneta, o que torna muito difícil que ela volte a escrever. Quando isso acontece, você pode tentar pegar a caneta pela extremidade contrária à da ponta e sacudi-la com movimentos rápidos em direção ao solo. Verifique se a bolha saiu. É possível, também, guardá-la de ponta para baixo durante semanas e torcer para a tinta voltar a descer.

– Com duas pontas: melhor guardar na horizontal, para sempre ter tinta nas duas pontas.

Para suas canetas voltarem a funcionar

Além das dicas a respeito da caneta gel, existem dicas que podem ser usadas com qualquer tipo de caneta, que seja possível ver se ainda existe tinta em seu interior, mas não desce. Confira!

– Apertar levemente a ponta contra uma mesa e sacudir a caneta com velocidade cada vez maior. Isso faz com que a tinta desça à ponta.

– Rabisque círculos num papel. Este movimento também faz a tinta voltar a circular na caneta. Isso pode ser tentado em um copo ou superfície de vidro, pois ele empurra a esfera para baixo, e a tinta desce. Teste a escrita num papel.

Conteúdo duplicado de: https://www.compactor.com.br/saiba-como-conservar-as-suas-canetas-favoritas/

Rolar para o topo